Informação policial e Bombeiro Militar

Minha foto
Recife, Pernambuco, Brazil
Noticias de qualidade de interesse coletivo ou individual

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Assembleia Geral decide pela aprovação do Projeto de Realinhamento dos Oficiais com Emenda que garante o pagamento de horas extras do militar estadual

RONDÔNIA 

No dia 23 de janeiro, por decisão coletiva dos Policiais e Bombeiros Militares de Rondônia, que estiveram presentes na assembleia geral em Porto Velho, ficou decidido que sem a “emenda das extras” (remuneração por horas excedentes às escalas ordinárias), não poderá ser aprovado o projeto de realinhamento tão sonhado pelos oficiais.

O fato é que a tabela de valores apresentada pelo comando geral aos praças, vem deixando os Cabos e Soldados desanimados com o “aumento”, pois o orçamento que será utilizado no projeto, visa a extinção do serviço voluntário que agrega R$730,00 na remuneração dos militares. Sendo que tal serviço em sua grande maioria é realizado por praças, e o projeto de realinhamento dos oficiais, diminui cerca de R$164,00 do salário do Soldado, e R$29,00 do salário do Cabo, para eles é “dar com uma mão e tirar com a outra”. No mais, este serviço voluntário, vem sendo utilizado pelo comando, para suprir a necessidade do efetivo da Policia e Bombeiro, hoje defasado em mais de 60%.

Levando em consideração esse descontentamento, a ASSFAPOM- Associação dos Praças e Familiares da Policia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia, representado neste ato por seu presidente, Jesuíno Boabaid, convidou todos os  Policiais, Bombeiros, Esposas, Familiares e Associações representativas de classe da PM/BM e a Comissão

de Esposas, a comparecerem para Assembleia Geral Conjunta, onde foi apresentado a ideia de uma Emenda que garantisse o pagamento por horas extras, e a folga dos Cabos e Soldados, os quais são abusivamente utilizados em serviços extras. Contudo, a emenda também visa estender aos militares, o direito de extra, consagrado na Constituição Federal de 1988. As assembleias ocorreram em Porto Velho e em Ji-Paraná, e todos decidiram pela aprovação do projeto com a garantia da emenda das horas extras.

O medo dos militares é que após a aprovação do projeto dos oficiais, sem a garantia de pagamento por horas extras, sejam os militares usados como “escravos” para trabalho em escalas reduzidas e sem remuneração.

A problemática somente poderá ser sanada, caso o projeto dos oficiais sofra a “emenda das extras” apresentada por Jesuino Boabaid, e garantida pelo deputado Hermínio Coelho. Porém, terá que ser aprovada pelos demais deputados estaduais. E, segundo informações, a bancada do governo já recebeu em seus gabinetes, o alto comando, Coronel Prettiz, pendindo que votem contra a emenda da extra, proposta por Jesuino, e tais deputados se comprometeram a rejeitar a emenda.

“Não entendo o motivo do Coronel Prettiz, pedir aos deputados que votem contra a emenda das horas extras, já que ele mesmo se comprometeu em não escalar os policiais em serviços extraordinários. Será que ele mesmo não confia no seu fio de bigode, na palavra que disse, ou realmente estamos sendo enganados...” Argumentou Ada Dantas.

“O pior de tudo é que caso a “emenda da extra”, não seja aprovado pelos deputados, somente o governo do Estado poderá criar outra Lei que remunere os policiais e bombeiros por horas excedentes, pois se trata de matéria que meche com o orçamento do Estado, e a iniciativa é privativa do executivo”. Relatou Jesuino Boabaid.

“Os coronéis não deveriam estar tão preocupados com a emenda, pois vão ganhar muito bem com o projeto, que dará aos seus salários mais de 60% de aumento, e quem vai perder com a rejeição da “emenda da extra” são os praças, que passarão a ser escravizados nessa corporação”. Desabafou Jesuino.

Diante disso, as Associações, a Comissão das Esposas e o Deputado eleito Jesuino Boabaid, estarão em uma grande comitiva na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, dia 28, de janeiro, para garantir que o projeto dos oficiais seja aprovado com a emenda das horas extras, ou seja, fazendo valer o que ficou decidido coletivamente em assembleia conjunta. Caso contrário, a Comissão das esposas estará se reunindo para uma possível onda de protestos, que poderá culminar causar uma desestruturação geral no Estado.

“Não vamos aceitar que este comandante seja injusto com nossos esposos, e nem que venham a ser escravizados por este governo. Não acreditamos na palavra deste comando que só vem pensando no próprio salário.” Desabafou a esposa de um militar.

Entenda a Emenda proposta por Jesuino Boabaid:

1º - O servidor militar estadual, por necessidade imperiosa de serviço, poderá ser convocado para cumprir serviço extraordinário, desde que devidamente autorizado pelo Governador mediante Decreto Estadual.

2º Consideram-se também extraordinárias as horas de trabalho realizadas além das normais, estabelecidas por escalas ordinárias, para o respectivo posto ou graduação da carreira a que pertencer.

3° - Pelo serviço prestado em horário extraordinário, o servidor terá direito à remuneração, em pecúnia. 

4° - O serviço extraordinário será remunerado com acréscimo de 50% (cinquenta por cento) em relação à hora normal de trabalho, calculado sob o soldo de cada posto e graduação respectivo.

Soldado da PM feminina é morta pela ex-namorada com três tiros.


Policial Militar é morta a tiros pela ex-namorada 

Uma policial militar foi assassinada com três tiros no peito, na noite deste último domingo (25)  em Franca, São Paulo.  Segundo informações a vitima Marcela Maria de Oliveira de 31 anos, morreu após se envolver em uma discussão com uma vigilante, que  era sua ex-namorada. O  crime ocorreu por volta das 22h, no Jardim Paineiras. A vítima estava em um carro com a atual namorada, quando foi surpreendida pela autora que a estava seguindo. Ela desceu do veiculo e ao iniciar uma discussão a vigilante sacou a arma, que pertence à empresa em que trabalha, e efetuou três tiros contra o peito da vitima que morreu no local. Após cometer o crime, a autoria identificada como Elaine Cristina da Silva de 39 anos fugiu e após denuncias foi encontrada ferida com um tiro no peito em uma casa que fica no mesmo bairro.. A policia acredita que ela tenha tentado cometer suicídio. No local, a polícia encontrou também uma arma calibre 38 e quatro cápsulas deflagradas. Elaine  foi socorrida em estado grave pela Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros para a Santa Casa de Franca. Se sobreviver a vigilante será presa por homicídio doloso.  As motivações do crime ainda são desconhecidas e o caso segue sendo investigado.


Fonte: Portal Plantão Policial 

PMPE: CIOSAC apreende pistola Glock

25/01/15

PMPE: GATI do 24º apreende drogas, dinheiro e simulacro de pistola.




PMPE: diárias por 12 horas trabalhada R$ 180,00

Dois PMs atendendo ocorrência fecham bar que estava com som alto e alvará vencido, ocorre que dois s Majores bebiam no bar e os PMs acabaram presos!

CEARÁ 

PMs do Ronda fecham bar com som alto e são presos


Do Diário do Nordeste: Dois policiais militares do Ronda do Quarteirão estão detidos, desde a madrugada de ontem, no quartel do 5º Batalhão da Polícia Militar (BPM), no Centro da Capital. Eles foram recolhidos à unidade sob a alegação de insubordinação a oficiais superiores. Os soldados Róbson Randal Damasceno e Cristiano Silva de Castro Sabóia, ambos de 28 anos, acabaram punidos por disciplina, após atenderem a uma ocorrência num bar localizado no cruzamento das ruas Minas Gerais e Plutão, no bairro Jóquei Clube. Eles foram ao local a pedido de moradores da área, que reclamavam do som alto no bar. Diante da promessa do proprietário de baixar o som, os policiais se retiraram. Contudo, retornaram logo depois, sob novo chamado, já que o som permanecia alto no local. Os PMs observaram que o estabelecimento estava ainda com alvará de funcionamento vencido e determinaram o fechamento imediato. Nesse momento, teriam surgido dois majores da PM, identificados como Júlio César e Passos, que bebiam no bar. “Visivelmente alterados pelo consumo de bebida, eles xingaram os soldados por quererem fechar o bar e depois ainda conseguiram que Randal e Castro fossem detidos por insubordinação”, conta a mãe do soldado Randal, Guiomar Alves da Silva, revoltada com a situação. “Ele me contou essa história e eu não acreditei. Meu filho e o colega de farda estavam tentando cumprir o seu dever, a pedido da população, e acabaram presos por ordem de oficiais superiores que estavam no bar, de folga, bebendo, à paisana. Isso é abuso de autoridade”, denuncia. Na versão de Guiomar, os oficiais teriam ´desdenhado´ dos soldados e do Ronda do Quarteirão, qualificando o programa de ´invenção tola´. Segundo ela, os soldados deverão ser punidos com 50 dias de detenção no 5º BPM. O Diário do Nordeste tentou ouvir o Comando Geral da PM e a Assessoria de Imprensa da Corporação, mas os celulares do tenente-coronel Marcus Costa e da assessora de Imprensa, Kérsia Porto, permaneceram desligados até o início da tarde de ontem. O coronel Willian Rocha, comandante-geral, foi procurado na sede do QCG, mas não estava. O comandante do CPC, coronel Sérgio Costa, não sabia do fato. 



Fonte: Diario do Nordeste 


PMPE: GATI do 13º BPM prende elemento com um revólver que iria cometer um homicídio na Madalena.

Flávio ventura da paixão,  25 anos foi na comunidade da mangueirinha, beira rio,  Madalena,  o mesmo portava uma arma de fogo cal.38 de numeração 186037,Taurus, cap 06 munições,  com 03 munições sendo uma deflagra, outra pinada e outra intacta . O mesmo informar que iria prática um homicídio de um um desafeto conhecido como Rogério que havia lhe ameaçado e em outra oportunidade já tinha lhe desferido golpes de faca.



PMPE: efetivo do 24º BPM apreende arma de fogo estambre simulacro e recupera 4 celulares e prende dois acusados que estavam em duas motos praticando assalto.


Após informações de que elementos teriam roubado uma biz, fizemos rondas no distrito de São domingos em brejo da Madre de Deus e localizamos dois elementos em duas motos, portando um revólver cal.38 Rossi com 5 munições sendo quatro Boas e uma pinada, e um revólver .357 magnum  (simulaco)
Bem como quatro celulares tudo isso após os mesmo terem roubado em santa cruz do capibaribe, em menos de 20 mim foi feito a apreensão por este efetivo exaltando o nome da polícia militar de Pernambuco





domingo, 25 de janeiro de 2015

PMPE: GATI 11º BPM recebe informação das PBs 5070 e 5065, e prende acusado e apreende drogas na Linha do Tiro.


Ao receber informações das Pbs 5070 e 5065 sobre um tráfico de drogas no bairro da linha do tiro os gatis 5300 e 5400 seguiu para o local informado. Ao chegar no local nos deparamos com uma testemunha que era seu próprio irmão onde o mesmo afirmou que o imputado estava escondendo drogas dentro de sua residência.  Ao abordarmos o mesmo foi encontrado 38 big big de maconha onde o mesmo assumiu que era dele. Com isso o mesmo foi conduzido para a central de flagrantes para medidas cabiveis. Ocorrência registrada no M7481359




Coronel é preso por viatura da PM por porte de crack! O Coronel se recusou a ser abordado, mas foi chamado reforço, o Coronel foi levado a DP e autuado

Tenente-coronel é flagrado com drogas dentro de veículo durante abordagem na Serra

ESPIRITO SANTO

De acordo com a Polícia Civil, o tenente-coronel responde na Justiça por crimes originados de inquéritos militares. O casal foi autuado por posse de drogas e responderá em liberdade

Folha Vitória
Redação Folha Vitória





Foto: TV Vitória














Um tenente-coronel da Polícia Militar, de 44 anos, foi flagrado com drogas durante uma abordagem da Polícia Militar no bairro Jardim Limoeiro, na Serra. O homem tentou impedir que os policias revistassem o carro, onde estava o entorpecente, e foi necessário chamar reforço policial. O tenente estava acompanhado de uma mulher de 24 anos, que também foi detida. 
Segundo testemunhas, Paulo Henrique Batista Freire e a mulher estavam próximos ao veículo, que estava estacionado. Uma viatura da PM passou pelo local e abordou o casal. Dentro do veículo a polícia encontrou cachimbos e uma pedra de crack.
De acordo com a Polícia Civil, o tenente-coronel responde na Justiça por crimes originados de inquéritos militares. O casal foi autuado por posse de drogas e responderá em liberdade. 
Para ver o vídeo clique AQUI

Manifestação pede intervenção militar




O protesto contra as ações da presidente foi feito em frente a Brigada do Exército na Capital(Foto:Elpides CArvalho)







Cerca de 20 pessoas promoveram, na tarde de ontem, por volta das 14h30, em frente à Brigada de Operações Especiais do Exército, em Goiânia, um ato de repúdio à presidente Dilma Rousseff (PT). Além de pedirem a saída da petista, o grupo também defendeu uma intervenção militar constitucional, entoando o hino nacional, gritando palavras de ordem contra a corrupção e ações do governo federal. A cena chegou a ser filmada por um militar do exército e assistida por outros.
De acordo com Silva Mangalô, 42 anos, corretor imobiliário e um dos líderes do movimento, a população brasileira está sendo execrada. Ele ainda tentou justificar o pedido de volta do militarismo ao Brasil. “O exército sempre quis a lei e a ordem da nação. Apenas os militares podem devolver a pátria ao povo. Queremos que eles (militares) limpem a casa do povo e nos salve de tanta corrupção. O governo federal comprou até o poder judiciário deste País”, indigna.
Durante todo o movimento, que durou um pouco mais de uma hora, foi acompanhando pela Polícia Militar. Os manifestantes explicara que a ação, em frente à brigada, foi motivada por entenderem que seria a melhor forma de incentivar os militares tomarem as rédeas do Poder Executivo. Diante do protesto, o grupo segurava cartazes, faixas, com dizeres: “F.F.A.A. Nação goiana de apoia”, e até a bandeira nacional. O intuito maior, de acordo com eles, era entregar uma carta reivindicatória a tropa do exército, mas que não chegou a ser recebida.

PM apreende três escopetas calibre 12 e um revólver calibre 38, além de munições de ambos os calibres que era ostentado nas redes sociais por um loira bandida! a loira consegui fujir O dono da casa disse que tinha conhecimento das armas escondidas na casa dele, mas negou saber de quem são.


PM apreende armas ostentadas por loira em fotos nas redes sociais


Armas estavam em residência em São José de Mipibu, na Grande Natal.
Dono da casa foi preso e adolescente de 16 anos apreendida.


Anderson BarbosaDo G1 RN

Em uma das fotos e jovem aparece ostentando duas escopetas semelhantes às que foram apreendidas (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)

Em uma das fotos a jovem aparece ostentando duas escopetas semelhantes às que foram apreendidas em São José de Mipibu (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)

Um homem de 53 anos foi preso e uma adolescente de 16 anos apreendida na noite desta sexta-feira (23) suspeitos de posse ilegal de arma de fogo. Na residência em que moram, em São José de Mipibu, na Grande Natal, policiais militares encontraram três escopetas e um revólver. 

As armas longas, de acordo com o tenente Isaac Leão, são as mesmas que aparecem em fotografias que vêm circulando nas redes sociais. Nas imagens, repassadas ao G1 pelo oficial, é possível ver uma jovem ostentando duas escopetas semelhantes às que foram encontradas. Em outra fotografia, a moça ainda empunha um revólver.
"As escopetas são as mesmas. Uma delas, dá pra ver bem, é de fabricação caseira e tem cano duplo", observou o tenente. "Encontramos as armas dentro de uma residência na comunidade de Bairro Novo. Chegamos até elas depois de uma denúncia anônima enviada para o número (84) 9468-6860, que é da Polícia Militar em São José de Mipibu", acrescentou.
"O dono da casa disse que tinha conhecimento das armas escondidas na casa dele, mas negou saber de quem são. Insistimos, mas ele limitou-se a dizer que somente guardou as armas, mas que não sabe a quem pertencem", afirmou o oficial.
Loira é procurada
Quanto à jovem que aparece nas fotos, o tenente Isaac informou que ela não estava na casa, mas é procurada pela polícia. “Ao aparecer com as armas em punho, ela cometeu os crimes de porte ilegal de arma de fogo e apologia ao crime”, ressaltou.
Ainda de acordo com Isaac, as armas encontradas são três escopetas calibre 12 e um revólver calibre 38, todas com numeração raspada. Também foram apreendidas várias munições de ambos os calibres e uma quantia de aproximadamente 1.500 reais em dinheiro.
“Com a apreensão desse arsenal, acreditamos que haverá uma diminuição nos índices de roubos e homicídios no município”, afirmou o tenente. Participaram da ação policiais militares da Força Tática e da companhia da PM em São José de Mipibu.

Foram apreendidos três escopetas calibre 12 e um revólver calibre 38, além de munições de ambos os calibres e uma quantia de aproximadamente R$ 1.500 (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)
Foram apreendidos três escopetas calibre 12 e um revólver calibre 38, além de munições de ambos os calibres e uma quantia de aproximadamente R$ 1.500 (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)